Um Dia, Uma Viagem, Um Casamento

Um Dia, Uma Viagem, Um Casamento...

O dia 17 de março de 2012 foi um dia muito corrido, mas bem divertido. Era o casamento do meu primo Marco Rodrigo (mas o chamamos de Rodrigo) com Valesca. O casamento deles não foi aqui em Juiz de Fora, foi em Cambuquira, Minas Gerais. Viajamos para lá só depois das 12 horas da tarde. No carro fomos eu, minha prima Flávia, meu irmão Gabriel, minha mãe Marlene e meu pai Antonio.

Quando chegamos lá – o que demorou muito – fomos para o hotel, onde estavam praticamente todos os convidados do casamento (menos a família da Valesca, que mora lá). Fomos para os nossos quartos colocar as malas e, depois, seguimos para a casa da mãe da noiva, para minha mãe fazer o cabelo dela para o casamento. 

A casa da mãe da Valesca estava muito cheia. Encontrei minha tia Ana, mãe do noivo, e minha prima, irmã dele, Carol, que ficou falando a noite toda que ela nunca tinha ficado tão bonita. Estava lá também a daminha de honra, Laura, que iria entrar na Igreja com o meu irmão, pois ele era pajem. 

Eu, Flávia, Gabriel e meu pai voltamos para o hotel. Enquanto meu pai e meu irmão estavam assistindo à TV, eu e Flávia ficamos ouvindo música no quarto. Mais tarde, meu primo foi nos ver e meu pai e ele ficaram conversando. Flávia e eu fomos dar uma volta pelo hotel, depois que Rodrigo foi para o quarto dele.

 

Até a hora do jantar, minha mãe ainda não tinha voltado da casa da mãe da Valesca e meu pai foi buscá-la. Na hora, não tinha gostado muito do cabelo dela, mas minha tia disse que estava lindo. Depois, dei outra olhada e vi que realmente estava bonito. Após o jantar, nós fomos tomar banho para nos arrumar para o casamento.

Chegou a hora mais esperada dessa viagem, o casamento. Meus pais eram padrinhos do noivo e meu irmão era pajem. Minha sorte foi minha prima ter vindo conosco, se não iria ficar sozinho. Nós tiramos foto de toda a cerimônia e todas as fotos em que  minha mãe aparecia, ela estava chorando.

Na troca das alianças até eu me surpreendi, foi a primeira vez que vi minha prima Flávia chorando. Foi muito legal.

No dia seguinte, eu, Flávia, Gabriel, minha mãe, meu pai e tia Alda fomos dar um passeio pelo Parque das Águas que tem lá. Não gostei de nenhuma água, todas tinham um gosto muito esquisito. 

Essa viagem foi muito legal mesmo. Demorou muito, mas valeu a pena!!!

 

Rodrigo e Valesca
 

Eu e Flávia
 

Gabriel, mãe, pai, Eu
 

Gabriel e Laura
 

Bonecos do Bolo (o noivo está de Superman, porque ele gosta desde criança)
 
 

Você não tem permissão para enviar comentários

Você está aqui: Home Alunos Diário de Bordo Um Dia, Uma Viagem, Um Casamento